Empréstimo Consignado para MEI? VEJA ALTERNATIVAS


Saiba mais sobre a alternativa de “empréstimo consignado para MEI – Microempreendedor Individual”.

Bom, todos nós sabemos que abrir um negócio do zero é muito complicado, pensando nisso resolvemos criar este artigo para ajudar o pequeno empresário. Se você já possui seu CNPJ como MEI, saiba que isso é uma grande vantagem, pois os bancos possuem linhas de crédito melhores quando o negocia de empresa para empresa. Então vamos lá!

O Empréstimo Consignado para MEI? É possível?

Como sabemos, o crédito consignado é descontado diretamente na folha de pagamento, por esse motivo é IMPOSSÍVEL que o MEI consiga obter esta modalidade de empréstimo com desconto em folha. Mas existem alternativas para isso…

O Construcard é uma linha de crédito para compra de material de construção e reforma mediante o uso de cartão magnético nas lojas credenciadas. O convênio Construcard é destinado a empresas que são nossas clientes e credenciadas à Cielo, que comercializam materiais de construção, armários, piscinas, elevadores, aquecedores solares, aerogeradores e equipamentos de energia, etc. As empresas conveniadas para recebimento do Construcard têm segurança e agilidade financeira, pois o valor é creditado de uma só vez em até dois dias úteis após a venda, o que facilita o seu controle orçamentário.

Se você precisa de dinheiro para fazer uma reforma e iniciar seu negócio, o Construcard pode ser uma alternativa de “crédito consignado”. O prazo de pagamento é de até 240 meses e a primeira parcela só é cobrada após 6 meses.

Para saber mais acesse a página oficial do Construcard: http://www.caixa.gov.br/empresa/cartoes/credenciamentos/construcard/Paginas/default.aspx

ALTERNATIVAS DE EMPRÉSTIMO PARA MEI – MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL

A outra opção de crédito para MEI seria o empréstimo pessoal do Banco do Brasil ou da Caixa Econômica Federal. Os dois bancos oferecem taxas melhores no crédito pessoal quando o contrato é feito com pessoa jurídica. A margem para o empréstimo será calculada de acordo com o seu SCORE.

A documentação exigida pelos bancos é:
– Certificado de Condição do Microempreendedor Individual (CCMEI) e/ou Certidão Simplificada da Junta Comercial.
– Documentos pessoais do MEI (RG e CPF).
– Comprovante de endereço residencial do Microempreendedor.

Visite a agência mais próxima com os documentos acima e solicite uma cotação.

LEIA TAMBÉM: Dicas para não cair em golpes de empréstimo

Cuidados e dicas antes de contratar o empréstimo

Quando for ao banco, tenha em mente que você precisa conseguir demonstrar, de maneira contábil, a rentabilidade do seu negócio. Muita gente reclama que vai ao banco e eles não mostram interesse em conceder o crédito. Bancos visam lucro. O negócio mais lucrativo para o banco é emprestar dinheiro, contudo, eles só o fazem verificarem que irão receber o pagamento pelo crédito concedido.

Portanto, você precisa e deve ser capaz de conseguir mostrar para o banco que seu negócio produzirá o suficiente para pagar o empréstimo. Se você tiver um plano de negócios mostrando onde o dinheiro será investido e como isso fará seu empreendimento crescer, suas chances de conseguir o empréstimo aumentam.

TAXAS: SEMPRE TENTE NEGOCIAR AS TAXAS! Os bancos possuem uma margem na taxa de juros do seu empréstimo. Seja chato, negocie e tente sempre fechar o contrato com uma taxa mais atrativa.

“Empréstimo Consignado para MEI, por que não é divulgado?”

Como vocês já sabem, o crédito consignado requer garantias de pagamento. O MEI na maior parte das vezes não tem como dar garantia de pagamento ao banco em relação ao empréstimo, por isso é necessário apresentar bom score junto ao serasa e uma comprovação de renda favorável para que o banco libera uma margem de crédito.

Dica importante: Comparar as taxas de juros entre os bancos é muito importante. Apesar de parecer pequena a diferença do valor das taxas, ela terá um grande impacto no final do empréstimo.

Deixe uma resposta